Trilhas da Imensidão
A inspiração é o encontro perfeito das palavras e a imaginação. Aventure-se.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Meu Diário
06/04/2017 19h57
Sons da alma - Giselle Sato

Um ser humano curioso não se perde nas lembranças nem sonha com o futuro 



Ele tem fome de viver intensamente as oportunidades do presente.



Publicado por Trilhas da Imensidão em 06/04/2017 às 19h57
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
02/04/2017 20h39
Convivendo com a dor crônica- Giselle Sato

Sons da alma - Giselle Sato

Quero a vida nos tons de laranja da terra, amarelo ouro, vermelho carmim
o cheiro do capim limão, dama da noite, lírios e lilases
cercada de flores furta cor, respirar inspiração e poesia
ser a felicidade plena de não me abater nas mágoas do passado

Despertar meu melhor pra desfilar a alegria e esperança
ser um tom da sinfonia popular ou uma rima do poeta solitário
caminhar na areia molhada, na terra sagrada, na neve macia, no gramado quentinho, em pedrinhas miúdas misturadas a conchas e corais

Quero abrir portas, portões, janelas, portinholas, porões..deixar o ar da madrugada entrar
Somar vivencias, trocar segredos, criar enredos, fazer uma ciranda com os medos e sentimentos tortos
viver, celebrar, amar


Publicado por Trilhas da Imensidão em 02/04/2017 às 20h39
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
02/04/2017 15h20
Acolhimento

A prática de Mindfulness me ajuda a aceitar esta realidade, lidar com meus fracassos, desânimos momentâneos, identificar as vitórias e  sentir orgulho de mim mesma também. Me aceitar nos altos e baixos é um carinho que me permito, por isso tudo sigo praticando. Me tratando com todo amor que mereço.  


Publicado por Trilhas da Imensidão em 02/04/2017 às 15h20
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
31/03/2017 12h08
Eu e Floki

Carinho, amor, companheirismo


Publicado por Trilhas da Imensidão em 31/03/2017 às 12h08
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
30/03/2017 22h30
A vizinha - Giselle Sato

Hoje tem mais um conto de terror! E daqueles que amo escrever, personagem malvadíssimo ou melhor, malvadíssimos porque tem muita gente cruel nesta história

...tenho pena delas porque não sabem nada, e agora estou muito, muito irritado. Eu só queria que tudo voltasse a ser como antes.  Odiava Selma, odiava  aquela magricela ossuda e feia, odiava  as mentiras que ela contava, odiava as fofocas ...odiava tudo naquela ordinária.

 

..vomitavam muito, tentavam falar, se engasgavam ainda mais, gesticulavam  e se curvavam numa pantomima interminável, minha família correu para ajudar e eu apenas observei a agonia. E ri. 

 

 


Publicado por Trilhas da Imensidão em 30/03/2017 às 22h30
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.



Página 4 de 8 1 2 3 4 5 6 7 8 [«anterior] [próxima»]

A Pequena Bailarina
Assassinos S/A II
BECO DO CRIME
Meninas Malvadas
POETRIX
Trilhas da imensidão- Contos de Terro...
Site do Escritor criado por Recanto das Letras