Trilhas da Imensidão
A inspiração é o encontro perfeito das palavras e a imaginação. Aventure-se.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


Tenho síndrome de Sjogren, sempre li muito, chegava a ler dois a três livros ao mesmo tempo, isso era muito tranquilo. Depois da doença fiquei cinco anos sem escrever, não lia nem jornal, comprava o jornal de domingo e levava uma semana para terminar. Era frustrante, lia sem entender, lia e relia e não assimilava.

Semana passada fui com minha amiga Sonia assistir uma palestra em Botafogo, no hospital Pró Cardíaco, tenho médico na rua ao lado, então era óbvio que não teria o menor problema. Chegamos na estação do metrô e estava anoitecendo, errei a saída e começamos a caminhar, percebi que as lojas e o fluxo dos carros estavam errados. Paramos. Pedi informação e foram desencontradas, fiz aquela pausa pra respirar, nos acalmamos e achamos o jornaleiro que nos colocou na direção correta. Fiquei triste, muito triste, aconteceu e vai acontecer outras vezes, estou aprendendo a lidar com isso.

Há seis meses venho praticando Mindfulness, estar atenta tem me ajudado com os lapsos de memória, presto mais atenção aos textos que leio, compreendo o que estou assistindo e não me perco tanto ''viajando na maionese''.

Outro fato importante é que mesmo que eu me perca eu percebo isto, antes eu levava um tempão, as vezes estava no caminho errado e tinha que voltar ruas e ruas. Não consigo andar muito tempo, então eu desistia porque já estava com dor, outras pegava taxi e o motorista reclamava porque era praticamente duas esquinas do local. Isso desgasta, a gente acaba desistindo de sair sozinha, de fazer uma compra, nem sempre as pessoas tem disponibilidade para acompanhar.

Resumindo: faço a prescrição do meu reumatologista e uso caderneta, bilhetinhos na geladeira, um programa do elefantinho verde no celular, e claro sigo praticando meu mindfulness. Posso até esquecer mas me dou conta, percebo, respiro, penso com calma e sigo adiante.

Estar atenta ao momento presente me ajuda a focar no que estou fazendo, posso me distrair com a vitrine mas eu sei que tenho um compromisso, a vitrine passa e vou em frente.
Trilhas da Imensidão
Enviado por Trilhas da Imensidão em 09/05/2017
Alterado em 19/05/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

A Pequena Bailarina
Assassinos S/A II
BECO DO CRIME
Meninas Malvadas
POETRIX
Trilhas da imensidão- Contos de Terro...
Site do Escritor criado por Recanto das Letras